QUERO MEDITAR, MAS NÃO CONSIGO.
SEXO COM HOMENS ESTRANHOS FORA DO CASAMENTO
18th January 2018
BEBIDAS PARA EMAGRECER COM SAÚDE
BEBIDAS PARA EMAGRECER COM SAÚDE
15th February 2018
QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO
 

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

 

Saber parar é mesmo um dom que poucos têm. A questão da fanfarronice é um problema generalizado hoje. QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO é um tema mais atual que nunca.Pessoas que de alguma maneira chegaram à disponibilidade do dinheiro farto, são incapazes de resistir à tentação de ostentar em grande estilo, propagandear seus recentes investimentos, deixar claro, o quanto podem dispor e usufruir. Tal alarde infantil é coisa de pobre burguês, que enriqueceu em ritmo turbo, porém o interior ainda não enricou…

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

Ostentar é a meta principal de certas pessoas carentes de atenção.

Por que ostentar? Por que deveríamos mostrar aos outros nossas aquisições, nossos relacionamentos, nosso corpo, nossa intimidade, nossos “segredos”? Por que alardear para os quatro ventos o que só a nós de fato interessa?

Iniciemos pelas tais comunidades nas redes sociais. A necessidade viciada de postar constantemente fotos, imagens de si do jeito que o diabo gosta dúzias ao dia, muitas vezes. Isto deixa bem claro que esta pessoa não faz outra coisa em seu dia e em sua mente a não ser postar fotos e se perfilar onde a vida poderia ser tão linda e, desta maneira, vivida em tão grandes limitações e horizontes curtos… Quanto mais escandalosas as imagens postadas, melhor. Divulgar detalhes que só estimulam comentários bizarros maldosos e fomentam a inveja.

 

Aqueles que ostentam e se gabam disto, são famintas por atenção, carentes de afeto real e procuram nestas atitudes descuidadas a admiração alheia ou se encontra a busca de um parceiro. Mas que nível qualitativo de companheiro poderá ser pescado usando esta estratégia? Crê esta pessoa que conseguirá ser feliz? Tem aqueles que dizem: ”O que interessa é o dinheiro. Felicidade não existe!”. Ui! Nem sentimento de pena por uma pessoa deste calibre vale a pena… Eu respondo de que quando a estultice é quem manda na cabecinha, todos tem o direito de sofrer! Não é verdade? Pensa! Não existe uma erva contra a tontice.

 

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

Esta imagem ostenta sensualidade e apelo sexual, como se a vida não oferecesse mais do que isto.

A insegurança e somada à baixa autoestima faz com que procure por artifícios para cravar nas mentes alheia de como “interessante e sensacional” o dono da obtenção é. Acredita que será admirado e amado por isso. Outros nem estão interessados em “serem amados” pelos estranhos e sim, simplesmente chamar a atenção de maneira fútil, com atitudes sem profundidade, vazias e medíocres. Atitudes estas improdutivas, inúteis em sentido de contribuir com o crescimento pessoal e dos demais. Mero bla bla bla existencial.

O pior que existem aqueles que vivem de salário e torram todo o seu ganho mensal em moda ou em bens de consumo a fim de ostentar mostrando ao mundo o que na realidade não são. Na maioria dos casos, quem age desta maneira, são indivíduos que provém de camadas sociais com recursos financeiros limitados. E sofrem com a ânsia de transparecer riqueza, porém acabam se endividando cada vez mais, tornando-se ironicamente, cada vez mais pobres… Vivem de aparência e por não saberem o quanto se encontram equivocados em suas táticas do bem viver com sustentabilidade, seguem em frente cometendo sempre o mesmo equívoco.

 

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

O que interessa às pessoas estranhas divulgar a maravilhosa viagem que fizemos? Deveríamos no ater a família e aos amigos próximos. Isto tem valor e faz sentido.

Muitos até podem afirmar que estas pessoas que estão se divulgando com ostentação a fim de exibir-se, é sinal claro de que se trata de indivíduos seguros e com boa autoestima. O contrario é a verdade. São pessoas que tem certa coragem ou treinaram-se em superar a timidez a fim de produzir cenas no teatro da aparência. Objetivando captar a atenção dos outros com o intuito de que falem delas, ganhar dinheiro fácil sem usar grande parcela de inteligência e esforço. Chocar sempre vende e, se falar das imagens com  apelos sexuais, os mais corriqueiros.

Onde fica a dignidade desta alma atuando assim? Quanto se esta estragando em si mesmo causando imensos prejuízos pessoais que lá na frente virá a se arrepender amargamente por ter feito tanta absurdidades. Depois fica difícil consertar a imagem quando se mais precisa de um currículo “cleam”, isto é: Limpo!

 

Os pobres novos ricos também precisam se empanturrar para saciar e inflar seu ego inchado. Matar a fome insaciável de alardear e aparecer. Isto para assegurar a meio mundo que de fato alcançou o sucesso e tem muito dinheiro a dispor, quer dizer, que não é mais aquele pobre de antes.

Comprar coberturas milionárias de fronte ao mar em Miami, na Cöte d´Azur ou mudar-se para Mônaco e dizer “aqui todo mundo é super-rico. Meu Rolex e lamburguine são coisas triviais por estas bandas. Chega de conviver com gente pobre” Eu escutei um cara falando isso! Na realidade ele tem certa razão, pois em Mônaco ele não aparecerá um ser extraordinário por ser riquíssimo. Naquelas paragens os ricos são todos ricos e todos “iguais”. E não estará realmente nem um pouco interessado na opinião dos “pobres que nunca poderão morar por aqui!”. A solução é ficar entre os seus iguais para não chamar a atenção dos que não tem ou não podem. Os arquimilionários, não aqueles ditos  ricos “recém-saído do forno”, não ostentam nem precisam disto. Eles simplesmente são o que são. As verdadeiras pessoas ricas não tem a menor necessidade de mostrar aos outros a sua imponência financeira. Elas sabem o que possuem e o que podem adquirir.  Usufruem das coisas com discrição e naturalmente justamente por terem tais condições.

Na realidade estas pessoas que ostentam são desprovidas da autoconfiança, a autoestima é frágil, a insegurança generalizada provoca estas atitudes de expor tudo a todos. Querem causar comentários que estimulem o seu ego para cima, acreditam que milhares de “likes” e seguidores deixarão sua vida mais feliz e mais preenchida fazendo-se sentir importante. E isto é mesmo coisa de gente de mente pouco esclarecida. Fazer o que!

Há aqueles que faturam postando fotos intermináveis, divulgando a sua moda e gostos pessoais, sua casa, a decoração exclusiva etc. Vendem estas informações que deveriam ser tratadas como privadas. Detalhes que deveriam ficar em casa sem ser exposto. Ganhar dinheiro com futilidades ou incentivando um consumismo desenfreado. 

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

Madames que adoram divulgar o requinte de suas casas. Isto não tem que interessar ao grande público. Isto é assunto privado e familiar.

Creditam tal como algo normal, pois lá nas tais redes onde se encontra aprisionados, todo mundo faz o mesmo…

Pensando assim não irão se libertar desta armadilha que faz sofrer da doença do vazio interior e da  frustração. Onde é sugada até a última gota de energia, dignidade e respeito. E se o indivíduo cair em desgraça, ninguém virá para acudir. Dirão e aplaudirão: “Benfeito. Fez por merecer!”.

Em minha opinião, o risco é alto demais, é brincadeira com fogo. E fogo queima dói e deixa cicatrizes. E uma cicatriz será uma eterna recordação de que algo ocorreu. Então? Não deveríamos brincar com aquilo que nos poderá ferir corpo e alma.

 

Preservar-se é a máxima. É sabedoria pura.

Ainda gostaria de falar sobre os ditos playboys, filhos de papais ricos, que nunca precisaram trabalhar e foram muito mal educados para a vida pelo próprio papai endinheirado, irresponsável pela formação do caráter do filho mimado e desorientado. Desacostumados com o esforço de conquistar algo na vida, esbanjam dinheiro e escândalos. Dificilmente sairá algo coerente de um playboy preguiçoso, mal habituado com trabalho regular e disciplina pessoal. Ele esta ai, caso não se corrija, somente para arruinar as próprias finanças e da família. Para nada mais serve a não ser dilapidar tudo irracionalmente. Isto é: “Cortando o galho no qual se encontra sentado”. Que vai ser dos filhos do playboy? Terão tudo para se tornar delinquentes e dependentes dos outros que terão que sustentá-los por vergonha ou misericórdia.

Por fim, descrição parece ser mesmo mais difícil de ser praticado que o inverso. Mal compreendem ou ignoram conscientemente que agindo com menos exposição, evitariam o dissabor da inveja alheia, da presença dos falsos amigos, ansiosos em desfrutar dos raios solares emanantes dos afortunados. Evitariam atrair assim indivíduos com intentos criminosos, desfrutariam de mais paz e segurança pessoal.

Mas cada qual deve saber o que faz de sua preciosa vida e para tudo tem uma determinada consequência.

Mas, Voilà la lá!  

 

 

E se você gostou de nosso site e de nossos artigos, ficaremos felizes com um comentário seu. Acrescente nosso BLOG em seus favoritos. Novos artigos postados periodicamente. Contato com S.Fair:  s.fair@livrosideiaslivres.com

 

QUERER CHAMAR A ATENÇÃO. OSTENTAÇÃO

ISTO PODERÁ LHE INTERESSAR:

-LINK INTERNO – REDES SOCIAIS 

-LINK EXTERNO –COMO LIDAR COM PESSOAS ESNOBES 

Leave a Reply

Your email address will not be published.